Belo é o amor humano...

Domingo...
+
Cerca das 20hs, Terminal Rodoviário, voltando poderia-se dizer de uma viagem, no Bob's, comendo um sanduba com milk shake de ovomaltine. Ao lado, um casal de namorados. O cara beijava a namorada e a todo momento se declarava melosamente, apaixonadamente... Podia ser eu!
+
Enfim, descrição de um final de domingo meu. De fato tudo isso aconteceu da forma descrita e o pensamento foi exatamente este do final. Sou um cara romântico pra caramba, posso dizer que as vezes "faz raiva", como diz um amigo meu, ser assim. Achei a cena dos dois namorados surreal, porque vi que o cara estava realmente apaixonado pela namorada. Eu também sou assim quanto estou namorando, o que não é o caso por hora.
+
O que importa disso tudo é a beleza do amor humano. É muito legal ver duas pessoas apaixonadas e as suas atitudes que são uma verdadeira revolução no seu modo de agir, pensar...tudo passa a ser também em função da pessoa amada, pelo menos comigo é assim.
+
Semana passada, pra ser mais real, na quarta-passada, ouvi uma conversa que me desagradou. Estavamos eu e mais três amigos meus conversando sobre namoro e afins, quando dois deles tratavam do assunto da forma bastante debochada, como se um namoro fosse um relacionamento onde você usa a outra pessoa e a joga fora porque uma "coisa usada" não serve mais. E me pus a pensar, e se fosse comigo, gostaria de ser usado por uma mulher? Imagine se eu gostasse dela e ela só me quisesse pra sexo e depois?
+
De fato tenho que confessar que como todo homem, tenho momentos que sou meio concorde com o pensamento desses meus amigos, porém eu tenho que lembrar que sou um homem e não uma maquina de sexo e que tenho relacionamento com mulheres, e não com bonecas ou qualquer ser inanimado, por isso devo valorizá-la.
+
O pior (ou melhor) de tudo é que quando estamos realmente apaixonados pela garota nem pensamos dessa forma, ela se torna quase uma "semi-deusa" que amamos e somos capazes de fazer muitas coisas por ela, pelo bem dela, para estar com ela...
+
Enfim, o que o amor não faz! Por isso, realmente é belo o amor humano.
+
+
Em tempo, ganhei mais um selo, (Brigadão Ariane),hehe... e dedico este selo à...
+
+
Abçs.

11 commenti:

Pedro { 27 de maio de 2008 01:07 }
O amor faz coisas que a gente não poderia supor que ele fizesse.
Vinícius Aguiar { 27 de maio de 2008 10:18 }
concordo plenamente com suas palavras, e acho que é visível em meus textos que eu também compactuo da mesma forma de sentimentalismo que você... amar alguém é a melhor coisa que pode acontecer a um ser humano, e ser retribuído é de fato um sonho!!

ah, obrigado pelo selo, valeu mesmo!
Igor Lessa { 27 de maio de 2008 14:33 }
Romanticos... Sou assim também. Quando vivo um amor, é à flor da pele. Não sei se concorda comigo, mas me parece que esse tipo vem existindo cada vez menos...


Um abraço!



Olhando Pra Grama - Crônicas de um ansioso
Juliana { 27 de maio de 2008 16:15 }
Tô sempre espiando blogs alheios...de vez em quando acho alguns legais...Mas de vez em quando (muito raamente) encontro um blog que realmente vale a pena! Adorei tudo...
Gustavo Hermes Soares { 27 de maio de 2008 16:22 }
'Podia ser eu'

Booooua. Boua nao! Ótimaaaa!
cara, estamos na mesma situação.
sintamo-nos amparados!
hsuhauashsauhsa
Leonardo Werneck { 27 de maio de 2008 18:16 }
Trocamos selo então, vai lá no meu blog. Tem pra vc tbm!
Talvez eu conte... um dia. { 27 de maio de 2008 21:36 }
Rá! Vai entender né? Nao é a toa que eu digo que estão banalizando o amor...
Mas independende dessas atitudes medíocres, sabe o que me conforta? Que sempre tem AQUELA pessoa que vai ser a certa, que vai trazer a paixao, os momentoszinhos graçinhas, as milhoes de horas no telefone, as cartinhas por mais piegas que sejam e por aí vai...

Tu já leste a nova crônica que tá rolando no Arnaldo Jabor? sobre os homens nao serem fiéis? Bom... na minha humilde opiniao, a fidelidade é um ponto importantissimo... portanto tenho que relacioná-lo com o assunto, hahaha. (Se nao leste, qq coisa manda teu mail que eu envio.)

Só sei que essa falta de compromisso tá fazendo com que a cada dia as pessoas deixem de querer se apaixonar.
Uma lástima.
Filipe Garcia { 27 de maio de 2008 22:25 }
Acho que nunca amei assim não. Por isso me sinto de mãos amarradas pra poder comentar seu romantismo e seu texto. Admiro sua forma e seu jeito, rapaz. Isso coloca você naquela categoria que elas chamam de "ele é um bom partido".

Falou, abraço.
Dani { 29 de maio de 2008 21:25 }
É verdade!!! O amor nos deixa completamente em êxtase, onde fazemos coisas até então nunca imaginadas.
Gostei daqui =)
Obrigada pela visita.
Míope { 30 de maio de 2008 20:00 }
Ser romântico é algo incurável.
Eu também sou assim.

Por isso acabo achando que nasci na época errada...mas, fazer o quê?

Boa discussão!
_

Brigadão pela simpatia.
Sempre que quiser, passa por lá.

Abração!
carla m. { 30 de maio de 2008 21:39 }
Luifel,

Então, comos emrpe me sinto acolhida ao passar por aqui. Eu acho que independente das intenções, o importante é ser honesto. às vezes as pessoas querem só curtir, e não há mal nenhum que seja assim, mas não se pode deixar que o outro alimente expectativas que vão em outro sentido.

Melhor não ter nada do que nãos er verdadeiro, independente do tipo de coisa que se queira.

E que bom que alguém ainda é romântico nesse mundo.

No mais, já está linkado, viu!