Ninguém se entende nessa Torre de Babel...

"Que piração!
Eu tô na terra ou no céu.
Ninguém se entende
Nessa Torre de Babel"
+
(Torre de Babel, Barão Vermelho)
+
Quando ouço essa música, entendo a surrealidade em que vivemos. Vivemos todos os dias com pessoas com temperamentos diferentes, modos de pensar divergentes, visões divergentes e que vivem num mesmo lugar.
+
Isso é surreal! Além disso, nosso interior também vive essa divergencia, essa dispersão, essa guerra interior.
+
A cada dia que estou vivendo percebo-me cada vez mais perto do que eu realmente sou, ou do que eu devo ser; ou talvez do que eu não deva ser e tão longe de tudo, do resto, da vida. Embora queira uma coisa, encontro outra na minha frente, enfim tudo muito louco mesmo.
+
"Ninguém se entende nessa Torre de Babel" e muitas vezes, nem eu me entendo na minha Babel interior.
+
Caramba! Como é complexo viver!
+
Abçs a todos!
+
Valeu pela visita!
+
Crédito da Figura: Pieter Bruegel, o velho; ‘Torre de Babel’, by Wikipédia.

12 commenti:

Pedro { 3 de junho de 2008 22:46 }
E bota complexo nisso.
Elis { 3 de junho de 2008 23:13 }
bem não acho ..que é tão difícil viver...mais conviver com absurdos humanos sim..mais aí é só n estressar..ser cabeça fresca..é o melhor caminho pq se n a gnt pira....!

Bjs!
* seu blog muito bom..!
Filipe Garcia { 4 de junho de 2008 09:45 }
Mundo confuso esse nosso. Cada um fala numa língua, num código. Cada um tem seu segredo, tem sua visão, seu caminho. E, assim como você disse, ainda há a babel interior, como se não bastasse.

O jeito é sair desbravando tudo, rs.

Abraço.
Vinícius Aguiar { 4 de junho de 2008 11:48 }
A complexidade do viver é algo que jamais ninguém conseguirá decifrar, pois em cada mente reside um desejo, um sonho e um receio diferentes, de forma que cada um torna-se único responsável pela condução de sua existência, e compreender é sempre uma tarefa muito difícil, até para compreender a si próprio!!

Abç!
Janete Andrade { 4 de junho de 2008 12:57 }
e às vezes a divergência q mora dentro de nós é bem maior...

:***
Míope { 4 de junho de 2008 17:55 }
É! Concordo!
Será que nós estamos errados?
Dizem que a vida é bem simples,
quem complica somos nós.

Quanto a saber quem sou, eu ando meio perdido nos meus labirintos.

Boa reflexão!
Abç!

[Valeu! Vou te add também]
Dani { 4 de junho de 2008 21:16 }
A vida é uma arte. Difícil não é viver e sim (con)viver com suas adversidades.
Poxa, viajei legal, rsrsrs
Bjos moço.
Leonardo Werneck { 5 de junho de 2008 00:34 }
Eu tbm não me entendo na minha babel particular, somos mesmo complexos.

Abraços
carla m. { 6 de junho de 2008 01:35 }
querido!!!

graças aos deuses que é complexo... seria uma chatice se não fosse!

às vezes cansa, mas na maior parte do tempo é tão divertido não?!
carla m. { 6 de junho de 2008 02:16 }
Luifel, querido, tem presente pra ti no meu blog.

pra pegar tem que passar no seguinte endereço:

http://downloadseafins.blogspot.com/2008/05/selo-esse-blog-vale-pena-ser-olhado.html

beijos!!!
Mariana { 6 de junho de 2008 22:02 }
cara!!! viver é complexo demais!!!!!!

eu quase nunca me entendo!! hehehehe

adorei aqui.. estou linkando..

bjs

ps* tira a confirmaçao de letras???? hehehehehe
Ariana { 6 de junho de 2008 23:25 }
Também não me entendo!
Bom saber que não sou a única!

Beijo*